sexta-feira, 29 de maio de 2009

Onde se escondeu o amor?

Onde se escondeu o amor? será que se perdeu na vulgarização da palavra, ou se perdeu nos interesses paralelos. A muito tempo venho procurando saber onde está o amor, mas estas difícil de encontrar, A palavras não tem mais sentindo, nas ruas a correria e stress a beira da loucura, são pessoas trabalhando em locais que não eram para estar, são pessoas vivendo vidas que não eram para ser vividas, tudo porque elas perderam o amor.
Por muitos lugares estive a busca deste amor, mas não existe mais, parece que espírito santo das pessoas foi retirado e no lugar disso foi colocado ódio e incerteza de um amanhã feliz.
Vigio e oro na esperança de ainda existir uma santa alma neste mundo, mas quando grito a única coisa que escuto são os ecos da minha voz tocando o infinito da profunda escuridão, do vasto mundo que não tem piedade que não tem dó, somos todos meros locos, sem gratidão e sem amor, vivemos sem ter razão para viver. já não sabem, se estão vivos ou estão mortos. São só corpos ou zumbis indo da casa para o trabalho, sem amor a sua vida, sem amor a sua família, sem amor ao seu mundo, sem amor ao próximo. Onde se escondeu você amor?

Um comentário:

Silvia Roldão Matos disse...

É complicado vermos pessoas debatendo sobre o amor, mas seus corpos estarem ausentes do que está em questão... Daí entra a teoria longe da prática... Se a grande maioria das pessoas se amassem, tenho certeza que mundo seria melhor, pois prá muitos fazerem o que fazem, só pode não se amarem, por estarmos todos relacionados de uma certa forma, querer o bem das pessoas é querer o nosso de uma certa forma tbm... As pessoas que desejam e praticam a maldade aos outros, estão afetando a si mesma, por isto que entro na questão... se amar é preciso, sendo um passo essencial... Quem se ama, se cuida... Saber dizer não, tbm é um ato de amor... :)

O amor não se escondeu, mas está se ausentando cada vez mais infelizmente...
Att.

Silvia Roldão Matos